sábado, 22 de dezembro de 2007


Um filme, um cartaz:
Império dos sonhos
(Lynch, 2006)


BALAIO PORRETA 1986
n° 2193
Rio, 22 de dezembro de 2007



CINEMA 2007
Os melhores filmes vistos no ano
segundo minha leitura crítico-afetivo-libertinária,
considerando as seguintes cotações:

*** Excelente
** Ótimo
* Especialmente bom

Nos cinemas & centros culturais

1. Império dos sonhos *** (Lynch, 2006)
2. Conto de outuno *** (Rohmer, 1998)
3. Moolaadé *** (Sembene, 2004)
4. Medos privados em lugares públicos ** (Resnais, 2006)
5. Maria ** (Ferrara, 2005)
6. O engenho de Zé Lins ** (Vladimir Carvalho, 2007)
7. Romance do vaqueiro voador ** (Manfredo Caldas, 2006)
8. Jogo de cena ** (Eduardo Coutinho, 2007)
9. Santiago ** (João Moreira Salles, 2006)
10. Cartas de Ivo Jima * (Eastwood, 2006)
11. Lady Chatterley * (Ferran, 2006)
12. A culpa é do Fidel * (Gavras, 2007)
13. Curriculum vitae * (Kieslowski, 1975), média
14. Cabeças falantes * (Kieslowski, 1980), curta

Em casa

1. A princesa Yang Kwei Fei *** (Mizoguchi, 1955)
2. Othon *** (Straub & Huillet, 1969)
3. Agonia e glória *** (Fuller, 1980[2003])
4. Operários, camponeses *** (Straub & Huillet, 2001)
5. Aqui e lá *** (Godard & Miéville, 1977)
6. A mocidade de Lincoln *** (Ford, 1939)
7. O olhar de Michelangelo *** (Antonioni, 2004), curta
8. Prólogo *** (Tarr, 2004), curta
9. Toda revolução é um lance de dados *** (Straub & Huillet, 1977), curta
10. Band à part ** (Godard, 1964)

Principais revisões, nos cinemas:

1. Uma mulher sob influência *** (Cassavetes, 1974)
2. Faces *** (Cassavetes, 1968)
3. O padre e a moça ** (Joaquim Pedro de Andrade, 1966)

10 comentários:

Francisco Sobreira disse...

Moacy,
Também lhe desejo e aos seus um Feliz Natal e um excelente 2008. Dos filmes de sua lista, só connheço "Mocidade de Lincoln" e "Agonia e Glória". E, claro, "O Padre e a Moça". Na próxima semana darei a minha. Abraços.

Bosco Sobreira disse...

Meu caro Moacy,
Desejo a você e aos seus Boas Festas e um 2008 rico em poesia, paz e saúde.
Forte abraço.

Andros Renatus disse...

"O Cinema", de André Bazin (que você colocou no post de 15/12),também está na minha - literalmente - biblioteca dos sonhos, pois até hoje ainda não consegui encontrá-lo. Está esgotadíssimo. Já pensei em comprar a edição francesa, mas é caríssima... Bazin é um grande mestre.

Faço minhas as suas palavras nos comentários da lista dos melhores filmes de todos os tempos, da sociedade dos blogs cinematográficos... Pra mim também não há nada como o cinema das antigas (e olha que eu nasci em 79).

Enfim, bom natal e ano novo! Abraços!

Marco disse...

Caro mestre Moacy,
Antes de mais nada, quero dizer que foi um enorme prazer para mim ter te encontrado ontem para pormos nossos papos cinematográficos em dia e até assistirmos juntos ao perturbador/lisérgico filme do Linch que encima a sua lista.
No ano que vem publicarei os meus favoritos a quem dou o prêmio "Pipoca Fumegente" para os que considerei como melhores, e o "Refrigerante sem gás e sem gelo" para os que não apreciei.
Eu lhe desejo um ótimo Natal e um fulgurante 2008. Longa vida ao Balaio!
Carpe Diem. Aproveite o dia e a vida.

Carito disse...

Mestre Moacy: tudo anotado, como um bom aluno aplicado, vou correndo ver se já chegou nas locadoras da província esse do Lynch de quem sou fã de carteirinha. Também estou curioso para ver o muito comentado Santiago. E eu já estava para pegar na locadora o Cartas de Ivo Jima, e agora que o vi na sua lista ele automaticamente se transformou em um dos próximos da minha. Gracias, abraços e mais uma vez Feliz Natal, Feliz Rio!

benechaves disse...

Moacy: poucos filmes vi desta sua seleção. Apenas 'Conto de Outono', e 'Cartas de Iwo Jima'. E de suas revisões, conheço, claro, 'O padre e a moça'. Senti falta de 'Madre Joana dos Anjos', que vc falou ter revisto este ano, não?
Retribuo os votos de um Feliz Natal para vc e tb familiares. E que 2008 seja mais um ano de bons filmes aí nesta 'cidade maravilhosa'.

Um abraço...

Moacy disse...

Caro Bené: Em se tratando de revisões, levei em consideração apenas os filmes vistos no próprio cinema. Revi "Madre Joana", realmenbte excepcional, em dvd, em casa. Um abraço.

Sergio Andrade disse...

Caro Moacy, ainda não consegui assistir o filme do Lynch, mas pretendo fazê-lo em breve. Até lá o melhor filme do ano, para mim, continua sendo o do Resnais.
A "Princesa..." do Mizoguchi é maravilhoso (e mais uma vez muito grato pela cópia), assim como os do Fuller e do Ford.

Bom Natal e ótimo 2008 para você e o Balaio!
Um abraço.

Isabella Benicio disse...

Querido Moacy,
Pasando pra desejar a você e sua família um Natal muito feliz e um 2008 cheio de saúde, alegrias, produtividade, realizações e poesia, muita poesia!
Beijo.

Cássio Amaral disse...

Moacyr,

Muita luz, saúde, prosperidade e paz pra você e toda sua família.

Amigo, muito obrigado por tudo!!!!

Dá uma olhada no meu blog. Hoje é aniversário do meu mestre.

ABRAÇÃO.

Cássio Amaral.