segunda-feira, 12 de abril de 2010

Nuvens que anunciam tempestade
Foto: autoria não-identificada


BALAIO PORRETA 1986
n° 2989
Rio, 12 de abril de 2010



HORÓSCOPO DA SEMANA

Áries
Caminhe. Pedale. Nade. Corra. Descanse.
Dê um livro de presente para um(a) amigo(a).
Pinte seus sapatos de azulpoesia. Ou de liláscanção.
Nuvens que anunciam tempestade: leia Baudelaire.

Touro
Nuvens para sonhar: cantigas d'além-mar.
Olhai os lírios do campo e do Paraná e do Ceará.
Um pensador para provocar delírios: que tal Bachelard?
Um uísque e um disco: A love supreme, de Coltrane.

Gêmeos
Nuvens para amar: os girassóis de Van Gogh.
Um livro para ler: Saudades do século 20 (Ruy Castro).
Caminhos & caminhadas: ao som de sambas & choros.
Um baseado e um filme: A balada do soldado.


Câncer
Nuvens para brincar: águas azuis da infância.
Leia Nei Leandro de Castro. E Luís Carlos Guimarães*.
Faça humor, faça amor: seja um(a) criador(a).
Um vinho e um chocolate: crepúsculos dourados.

Leão
Conheça o Seridó montado(a) numa nuvem prateada.
Travessia. Miragem. Nonada. Grande sertão: veredas.
Dê um novo sentido à palavra 'bangalafumenga'**.
Sonhe com anjos barrocos e nuvens ciganas.

Virgem
Marciana ou venusiana, sobretudo seja um(a) lutador(a).
Projete um poema/processo a partir de José Cláudio.
Conheça Conservatória, no Rio de Janeiro.
Uma cachaça e um livro: Decameron (Boccaccio).


Libra
Anarquista ou conservador(a), sobretudo seja honesto(a).
Navegue pela solidão das palavras seridolentes.
Cabralino(a) ou drummondiano(a), seja um(a) grande leitor(a).
Sonhe com os sonhos do surrealismo poético-oceânico.

Escorpião
Nuvens e canções populares de consumo.
Nuvens e rosas vermelhas de Caicó.
Nuvens, gatos, girafas e sonhos.
Nuvens e riachos do Seridó.


Sagitário
"Ou a mulher é fria ou morde. Sem dentada não há amor possível"
¹.
"Uma poética do devaneio é uma poética liricamente feliz"².
"Tudo vale a pena,/ se a alma não é pequena"³.
Uma nuvem e um sonho: Jericoacoara, no Ceará.


Capricórnio
Seja um cabra da peste, no Seridó potiguar.

Leia Oswaldo Lamartine de Faria. E Paulo Balá.
Viaje pela música clássica de Beethoven.
Emocione-se com as auroras e nuvens de sua terra.

Aquário
Seja uma nuvem ao entardecer, prenunciando chuvas.
Evite xópins, refrigerantes e lobisomens.
Leia Clarice Lispector. Escute música barroca.
Um conhaque e um filme: A noviça rebelde (Wise).


Peixes
Sonhe com os anéis de Saturno. E os rios de São Saruê.
Defenda a natureza. Defenda o bom jornalismo.
Ao lado de Luis da Câmara Cascudo, colecione crepúsculos.
Uma cerveja e uma história-em-quadrinhos: Arzach (Moebius).


Serpente
Atenção: não seja uma serpente venenosa.
Não acredite em astrologia. Não acredite em Diogo Mainard.
Prestigie a arte de Van Gogh. E os quadrinhos de Luiz Gê.
Sonhe com nuvens amarelas e bicicletas azuis.

Notas:
* NLC & LCG : poetas potiguares.
** Bangalafumenga : joão-ninguém.
¹ Nelson Rodrigues.
² Citação de matriz bachelardiana.
³ Fernando Pessoa.

5 comentários:

Assis Freitas disse...

Um uísque e um disco como A love supreme´ficam ainda melhor com cheiros no cangote da(o) amada(o). Tudo vale a pena quando o amor é possível: reinventar. Abraço.

Mirse Maria disse...

Se puder ir nas nuvens para o Seridó, já fui: em sonhos, em nuvens, em asas de aves.....

Bangalafumega, seria o MANÉ?


Beijos Moa

Excelente dia

Mirse

Maria Vieira disse...

Baudelaire é minha maldição predileta.
beijos.

Meg disse...

Sonho com anéis de Saturno, e não só...mas não gosto de cerveja, ahahah!!!

Cheiro procê, Moacy

Marcelo Novaes disse...

Moa,




Sendo libra, não posso ignorar áries e touro.


Só um astrólogo abalizado para entender essa lógica.



;)







Abração.