sábado, 17 de fevereiro de 2007

VESTIBURRADAS

[] As glândulas salivares só trabalham quando a gente tem vontade de cuspir.
[] Os estuários e os deltas foram os primitivos habitantes da Mesopotâmia.
[] O ateísmo é uma religião anônima.
[] O petróleo apareceu há muitos séculos, numa época em que os peixes se afogavam dentro d´água.
[] Antes de ser criada a Justiça, todo mundo era injusto.

(Fonte: 500 anos de outras burradas)
[in Balaio 1283, 25/5/2000]


BALAIO PORRETA 1986

nº 1957
Natal, 17 de fevereiro de 2007
Poema/Processo, 40 anos



Repeteco do Balaio Vermelho
Quinta-feira, Janeiro 15, 2004

17 RAZÕES PARA SE GOSTAR MUITO DO BRASIL

1. A beleza da mulher brasileira.
2. As praias do Nordeste, São Paulo e Santa Catarina.
3. O Pantanal e a Chapada Diamantina.
4. Samba, choro, frevo e baião.
5. A música de Villa-Lobos, Pixinguinha, Luiz Gonzaga, Jacob do Bandolim e Tom Jobim.
6. A literatura de Guimarães Rosa, Graciliano Ramos, Machado de Assis e Clarice Lispector.
7. A poesia de Murilo Mendes, João Cabral, Manuel Bandeira
& o poema semiótico-espacional de Wlademir Dias Pino.
8. O cinema de Glauber Rocha e Nelson Pereira dos Santos.
9. A arte de Hélio Oiticica, Lygia Clark e Di Cavalcanti.
10. O humor gráfico de Henfil e J. Carlos.
11. O teatro de Nelson Rodrigues.
12. As cidades barrocas de um país tropical: Ouro Preto, Olinda e Paraty.
13. A culinária mineira & nordestina.
14. A cachaça mineira.
15. O Maraca (RJ) em clima de decisão.
16. Garrincha, Didi, Zizinho, Pelé e Nilton Santos.
17. Casa grande e senzala & Luiz da Câmara Cascudo.

[Acréscimos 2007: a música de Paulinho da Viola, Elomar, Sivuca,
Hermeto Pascoal, Tom Zé, Naná Vasconcelos & Lupiscínio Rodrigues;

o cinema de Eduardo Coutinho & Vladimir Carvalho;
os quadrinhos de Luiz Gê, Marcatti e Mutarelli;
o inverno no Seridó, no Rio Grande do Norte;
as praias do Rio de Janeiro;
a língua sertaneja.]

13 RAZÕES PARA NÃO SE GOSTAR DO BRASIL

1. A miséria e as diferenças sociais e econômicas.
2. A violência nas grandes cidades.
3. Os rios e lagos poluídos.
4. A "ideologia" da esperteza.
5. A "ideologia" da impunidade.
6. 90 ou 92% dos políticos.
7. Bundaxé music & similares.
8. Big Brother Brazil & similares.
9. A televisão aberta aos domingos.
[Possíveis exceções: os canais educativos e culturais.]
10. A americanização da língua.
11. Caras & a imprensa sensacionalista.
12. Um tal de Marcelo Rossi & as igrejas tele-evangélicas.
13. Os "cartolas" do futebol.


OS FILMES PORNÔS MAIS TESUDOS DO CINEMA
Seleção: Prof. Sérgio Villela [IACS/UFF, Niterói]

1. Amor e humor (Joey Silvera, 1985)
2. Atrás da porta verde (J. Mitchell, 1972)
3. Uma aventura sexual (Henri Pachard, 1983)
4. As aventuras de Buttman (J.S., 1990)
5. Bacanal em Malibu (Alex DeRenzi, 1991)
6. Bem no fundo de Vanessa (Alex DeRensi, 1985)
7. Carrossel erótico (Anthony Spinelli, 1984)
8. Dançando na sombra (John Stagliano, 1990)
9. O diabo na carne de Miss Joners I & II (Gregory Dark, 1972)
10. O diabo na carne de Miss Jones III (Gregory Dark, 1986)
11. O diabo na carne de Miss Jones IV (Gregory Dark, 1987)
12. Entre as bochechas (Gregory Dark, 1985)
13. Eróticos clássicos do passado (1914)
14. Os exercícios de Buttman (J.S., 1990)
15. Garganta profunda (Gerard Damiano, 1972)
16. O êxtase das garotas (Robert McCallum, 1980)

[in Balaio 514, 14/7/1993]

9 comentários:

Jens disse...

Putz camarada: Garganta Profunda primeiro filme de sexo explícito a passar no país depois do fim da censura. Na mesma leva: O Diabo na Carne de Miss Jones (nham!nham! nham!). Lembranças de um tempo em que era um aplicado discípulo de Onã.
E dá-lhe frevo!
Evoé Baco!

Mulher na Janela disse...

Bom, como sou uma boa menina, não conheço nehum dos filmes listados...hehe...
Mas adorei a inclusão na lista das razões pra se gostar do Brasil, o TOM ZÉ, que ultimamente tenho devorado em carne, osso e poesia... na verdade, nenhum dos três, só em vocalizações e doideiras, o último CD do DJ Tão Zé é uma loucura, só pra variar...
Beijos...

Divã de Noiva disse...

Bem só opino pelas razoes que vc citou para ostarmos do brasil, concordo com todas...no resto não tenho conteudo para aplaudir ou me calar. Bom carnaval

Theo G. Alves disse...

rapaz,
tá chovendo e chovendo com gosto nestas terras currais-novenses nos últimos dias. Estamos pensando em adiantar em algumas semanas o mês de março para garantir chuva no dia de São José.

uma coisa que me faz gostar um bocado daqui é a memória de Dona Militana. tem também uns versos do Dr. Gomes. motivos bons.

um abraço grande, caríssimo, deste folião deslocado.

Marcelo Vargas disse...

Na lista de coisas que nos fazem gostar do Brasil, o número 1 deveria ser o glorioso Clube Atlético Mineiro, o maior time de futebol do Universo. Mas eu dou o desconto porque isso é óbvio demais. Entre as coisas que nos fazem desgostar de nosso país, eu incluiria o modo "classe-média" de ser, de pensar e de excluir.
Abraços e bom resto de carnaval!

Celso disse...

Mais um post inspirador, Moacy. Falando em inspiração, estou a ler "A Invenção de Caicó", que está a inspirar-me uma visita ao Seridó.'Uma Caicó imaginária está homenageada modestamente no meu blog http://subeterno.blogspot.com

Abraço

Márcia disse...

Pronto. Link atualizado.
Beijo daqui.

sandra camurça disse...

Moacy, dentre as razões para gostar muito do Brasil, faltou o Carnaval de Recife e Olinda (sou pretensiosa,não?). Você precisava tá aqui pra ver. Foi um dos carnavais mais lindos que já brinquei. E a Orquestra regida pelo maestro Spock (maravilha de frevo-jazz!)não fica nem um pouquinho atrás das grandes Big Bands. Um beijo grande.

Anônimo disse...

Sim, provavelmente por isso e