quarta-feira, 17 de dezembro de 2008


Caicó (RN),
a terra de Chico Doido,
em foto atual de
F. Soares de Lima


BALAIO PORRETA 1986
n° 2509
Natal, 17 de dezembro de 2008

Para ser louco na Paraíba é preciso ter muito juízo.
(De um conhecido louco paraibano)


FRUGAL
Romério Rômulo

me cabe mostrar
a densa face do meu rosto,
a tênue dança do meu lábio,
o rastro duro de uma ânsia selvagem.


SEM MEDIDA
Padmaya
[ in Cosmunicando ]

desbotado
o tempo se acomoda sobre a pele
vestindo de acasos
a nudez da escolha


VÃO
Mariana
[ in Suave Coisa ]

eu queria guardar teu
sorriso o tom
de tua voz teu
cheiro

mas só cabe ausências
nesses potes cheios
de
solidão


GESTOS
Pavitra
[ in Metamorfraseando ]

os poemas que ficaram
nos meus olhos
ainda ardem

esfrego a poesia

com a palavra
choro


POEMA de
CHICO DOIDO DE CAICÓ

Sou doido por mulher
Sou doido por cachaça
Sou doido pra gastar dinheiro
Sou doido por uma bunda
Sou doido por Caicó
Sou doido pelo mar
Sou doido por violão e lua cheia
Sou doido por uma conversa de bar
Sou doido por arribaçã
E sou doido propriamente dito


Diretamente do Além
A MAIS RECENTE ENTREVISTA
COM CHICO DOIDO DE CAICÓ


[P] Chico Véio, tá sabendo que há uma nova leva de admiradores de sua poesia, através da internet?
[R] Pois num é, seu minino, Chiquim de Assis e Cascudinho me assopraram mentalmente nas minhas oiças. Fiquei mais ancho do que pinto na merda, mesmo sem saber direito o que é essa tal de internete. No meu tempo de vivente bucetólogo num tinha disso não. É uma pena que eu esteja desmaterializado, senão faria questão de conhecer esse povo todo, sobretudo as mocinhas, que, se gostam do meu escrachamantelo verbal, devem ser cheirosas, dengosas e borogodosas.

[P] Mas Chico Véio, diga a verdade, o que você faria com elas, se vivo fosse?
[R] Vixe Maria, num quero nem saber... Bem, seriam convidadas para conhecerem Caicó comigo, viu, seu caba da peste!?! Isto é, se não forem amancebadas... Veja você: nunca embuchei ninguém, nem mesmo a rapariga que eu mais quis bem.

[P] Depois de tanto tempo no seu Plano Astral, o 6969/69, você ainda é capaz de pensar em mulheres?
[R] Em mulheres, em rapaduras, no meu Botafogo, nos butecos da minha terra e no cheiro da terra molhada pelas chuvaraiadas de inverno. Mas, aprenda, seu abestado, aqui não existe tempo, não existe espaço, tudo é energia. Num sei explicar direito. Não mangue de mim não, viu?; o doidelo de santo Agostinho, aquele sabidão das Oropa, França e Bahia é capaz de saber. Ele e Cascudinho, claro. E mais duas ou três mulheres que me visitam aqui-acolá, derna que deixei o mundo de vocês.

[P] Tem gente que até hoje duvida de sua existência. O que tem a dizer sobre isso?
[R] São todos uns abilolados juramentados. Estou ou não estou dando essa entrevista pra você? Quer prova maior da minha pessoa, mesmo que seja imaterialmente? Afinal, já não estou mais no meio das mulheres que tanto amei e respeitei. Mas devo reconhecer: são relembranças cada vez mais neblinosas.

[P] Gostaria de acrescentar algo?
[R] O sexo dos anjos não tem a menor graça...

Glossário:
* Ancho : Contente.
* Escrachamantelo : Vocábulo criado pelo próprio CDC (escrachado/escrachamento + desmantelo).
* Borogodosa : Encantadora.
* Amancebada : Casada ; Amigada.
* Embuchar : Engravidar.
* Mangá : Zombar.
* Derna : Desde que.
Em tempo:
Chiquim de Assis e Cascudinho são
Francisco de Assis, o santo católico, e Luís da Câmara Cascudo,
o escritor potiguar.


19 comentários:

Jota Effe Esse disse...

Com tanta coisa boa para comentar e eu cheio de pressa. Espero voltar outra hora. Meu abraço.

Pavitra disse...


oi, moacy!

primeiro tenho que agradecer por esse lindo GESTO FRUGAL SEM MEDIDA e em VÂO (tudo no bom snetido, claro!)

e agora tenho que confessar, amo o chico doido de caiacó, que é doido propriamente dito!
se vivo fosse, não sei, não, viu!

e mesmo sem entender nada dessa vida imaterial, seja no céu ou no inferno, tbm acho que o sexo dos anjos não tem a menor graça... rsrsr

beijos e cheiros!

Mariana disse...

Moacy do céu!
esse trem aqui tá bom demais.

agora a gente pode sentar e bater um papo, estamos todos entre amigos...rrs

que o chico doido se achegue!


Descobri recentemente a poesia do Romério e adorei!

Adoro esse poema da padmaya!

essa mariana aí eu não conheço...rsrs

e a pav, nem tenho o que dizer, essa moça é demais.

O chico doido é uma coisa de tão bom!


brigada, moacy!

beijos!

romério rômulo disse...

moacy:
estou pra lá de bem acompanhado.a
padmaya,a mariana,a pavitra conheço
a partir do balaio,nessas buscas do cdc.esse poema dele e a entrevista recente vâo deixar os
incrédulos da sua existência fora de si.já temos uma comunidade cdc
em construção.
um grande abraço.
romério

líria porto disse...

vim te ver - vinte ler e reler gente muito boa de escrita!!
parabéns pela seleção apurada!!! besos

Cosmunicando disse...

Moacy, eu quero ser louca na Paraíba e em Caicó, mas enquanto isso não é possível, fico por aqui mesmo no Balaio, em tão boa companhia que já me sinto em casa. Como a Nana disse, agora é só arredar as cadeiras e servir o café.
Adorei a surpresa!!
super beijo

romério rômulo disse...

moacy:
aproveito aqui com o "grupo chico
doido"(ainda iremos ao caicó) para
um convite.a leitura, no "cronópios",do elixir do pajé
do bernardo guimarães.o bernardo
tem gostos muito parecidos com o
chico.o tião nunes e eu decidimos
tirá-lo da gaveta não por acaso.
um abraço pajeico.
romério

Mme. S. disse...

Padmaya, Mariana, Pavitra... ô timão vc reuniu aqui viu? Beleza pura!

Carito disse...

Eita! Reuniu as meninhas tudinho, heim Moacy! Assim é de lascar! Se quisesse separar e botar água dava mais de 15 po(s)tes... Mas não! Bota no Balaio tudo de uma vez, deleite condensado... Você e seus gestos sem medida nunca em vão...

3331988 disse...

puxa, esse chico doido é uma descoberta para mim! quero ler tudo o que ele escreveu. onde encontro, Moacy??? [klaus]

homoluddens disse...

Moacy, se você não é o único, é um dos poucos que ainda consegue estabelecer contato com o Chico Doido. Sorte a nossa que você tem o Balaio e passa um resumo pra gente. Que essa conexão extramundo se mantenha sempre.
2. Romério, Pavitra, Mariana e Padmaya estào muito bem aqui.
caba da peste!
abraços.

romério rômulo disse...

moacy:
está criado o grupo chico doido.
farei contato.
romério

Pavitra disse...


eu tenho a carteirinah de sócia nº 2! (eu acho) rs

tô dentro do balaio!

romério rômulo disse...

moacy:
a confusão se estabelece,segundo os moldes do chico doido.a pavitra
quer saber o que fazer.o homoluddens pergunta o que é o cdc.
eu não disse que o grupo é coeso?
romério

Anônimo disse...

CDC é eu até sei o que é. Eu não havia entendido a proposta do grupo. Mas li uma resposta sua e começo a me inteirar, ou não. De toda forma, confuso ou não, parece ser interessante. Abraços.
homoluddens.

Mariana disse...

eu tô confusa!
mas acho interessante...rs

afinal, é o chico doido!

Pavitra disse...


e quem é que vai me endoidar de vez???

Chica do Igapó disse...

Como é bom relembrar meu saudoso Chico Doido de Caiacó. Você nem sabe, seu minino Moacy, como aquele pau-brasil, de tão brasileiro e de tão cara-de-pau, me fazia feliz.

romério rômulo disse...

moacy:
o grupo chico doido,cdc,está cheio de acontecimentos.a mariana tá confusa,mas acha interessante.a pavitra quer endoidar de vez.o vlad
gritou "viva o chico doido" e pediu
uma carteirinha.aí aparece a chica do igapó,pra quem o chico é um
pau-brasil.a coisa acelerou e exige ações.o caicó que nos espere.
dá pra entrevistar o homem sobre isso?
romério(cdc)