quinta-feira, 26 de março de 2009

Igreja de São Francisco / Lagoa Nova, RN
Foto de
Pedro Morgan


BALAIO PORRETA 1986
n° 2609
Natal, 26 de março de 2009

a palavra tem modos de pássaro
(Mario Cezar, in Coivara)


BACANTE
Iracema Macedo
[ in Lance de dardos, 2000 ]

Em meu ninho longínquo
início ventos
invento cios
canto e danço em volta do fogo
transformo meu leite em vinho
e ofereço meu corpo para os lobos


ODISSÉIA
Hildeberto Barbosa Filho
[ in Eros no Aquário, 2002 ]

Só um poeta
é capaz de atravessar
desertos
em busca de um oásis
de palavras.


POEMA
Mariana Botelho
[ in Suave Coisa ]

ventos
insistem
nas portas

aqui
nenhuma dor
é breve


A SELEÇÃO BRASILEIRA DE TODOS OS TEMPOS
segundo o escritor
Francisco Sobreira

Castilho;
Djalma Santos, Domingos da Guia, Mauro e Nilton Santos;
Danilo, Zizinho e Didi;
Garrincha, Pelé e Ademir Menezes.
Técnico:
Ênio Andrade.


HUMOR 2002

Num ônibus, um padre senta ao lado de um sujeito completamente bêbado, que tenta, com muita dificuldade, ler o jornal.
Logo, com voz empastada, o bebum pergunta ao padre:
- O senhor sabe o que é artrite?
Irritado, o pároco responde:
- É uma doença provocada pela vida pecaminosa e desregrada: mulheres, promiscuidade, farras, excesso do consumo de álcool, drogas e outras coisas!
O bêbado cala-se e continua com os olhos fixos no jornal. Alguns minutos depois, achando que tinha sido muito duro com o sujeito, o padre tenta amenizar:
- Há quanto tempo o senhor está com artrite?
- Eu? Eu não tenho isso não, Ave Maria!!! Segundo esse jornal aqui, quem tem é o Papa!!!

12 comentários:

Mme. S. disse...

Os ventos de Iracema e Mariana, fazendo ventania no Balaio... Muito bom!

Milton Ribeiro disse...

Olha só:

http://miltonribeiro.opsblog.org/2009/03/26/pequeno-manual-pratico-de-coisas-inuteis-de-theo-g-alves/

Sabe, Moacy, eu nunca escalaria uma seleção brasileira sem Zico. O homem fazia muitos gols. Tá bom, ele fica no banco! Não sei quem tirar mesmo no time do Sobreira...

Abraço.

mario cezar disse...

moacy, modo de pássaro é teu olho, em riste, rente ao mar e ao fogo do abraço; modo de pássaro é a combustão do teu desejo. pleno , feito o que restou do girassol , sobre o asfalto e entre e o peito febril da mulheres

Jens disse...

Oi Moacy.
Passando e conferindo a quinta-feira poética e também exercitando o riso com a piada herege.
Um abraço.

líria porto disse...

todo dia é dia de balaio! e viva a poesia!

em futebol eu só escalo a bola... risos

Lou disse...

Meu caro,

Parabéns pelas seletas apresentadas no balaio! Instigam o olhar...

Abraços,
Lou

obs.: encontra-se no Nudez Poética um "mimo" procê.

Francisco Sobreira disse...

Caro Moacy,
Muito boa essa piada. E confirmando o que disse no no nosso encontro de hoje em Abimael, o meu técnico é Ênio Andrade. Um abraço.

Diego Viana disse...

Muito bom ver Castilho reconhecido como maior goleiro da história do Brasil!

Cosmunicando disse...

Moa, não entendo xongas de futebol, mas tua seleção de poetas tá fantástica, incluindo a Nana frô que escreve os ventos, os sopros e os furacões com a mesma lindeza.
beijo procê

José Carlos Brandão disse...

Já disseram: os ventos de Iracema e Mariana encantam o Balaio.
Abração.

Mirse disse...

Tudo Maravilha!
A fotografia da Igreja, está belíssima!
Bela pescaria de posmas.

Beijos, amigo!

Mirse

WELLINGTON GUIMARÃES disse...

PELÉ E ADEMIR MENEZES?
ADEMIR MENEZES FOI MELHOR QUE ROMÁRIO?
ISSO NÃO É PURO E SIMPLES SAUDOSISMO. QUERER FAZER DE UMA ÉPOCA MELHOR QUE OUTRA?
O QUE ADEMIR TINHA ACIMA DE ROMÁRIO?
ROMÁRIO NO ATAQUE É PARA ESTAR EM QUALQUER LISTA, DE QUALQUER SELEÇÃO. ISSO É UMA MANEIRA DE QUERER FANTASIAR O PASSADO, DE DIZER: OLHA COMO O TEMPO EM QUE VIVI AS COISAS ERAM BOAS, OLHA COMO PIORARAM.