quarta-feira, 25 de março de 2009

Serra da Bicuda, em Cruzeta - RN
Foto de
Hugo Macedo


BALAIO PORRETA 1986
n° 2608
Natal, 25 de março de 2008

Eu fui louca o suficiente para construir castelos.
E fui santa o bastante para destruí-los.
(
Jeanne Araújo)


UMA PEQUENA HISTÓRIA COM ARIANO SUASSUNA

O relato a seguir foi "costurado", oralmente, como palestrante, pelo escritor paulista Ignácio de Loyla Brandão, no ENE 2006, em Natal:

"... nas última Jornada de Passo Fundo, no Rio Grande do Sul, o Ariano Suassuna foi chamado para receber um título de Doutor Honoris Causa e ele deu uma aula-magna. Claro, uma aula-magna à moda do Ariano, que é uma pessoa de vasta cultura e vasto humor e vasto mau humor e tudo. Mas fascinante. E Ariano estava falando exatamente dessas pessoas com nomes às vezes complicados e que nos deixam suando nas noites de autógrafos, porque você não sabe bem como se chamam e pensa que não ouviu.

Ele estava na mesa [depois da aula], estava sentado, e a fila vinha vindo, e ele escrevendo. Aí veio o primeiro e falou o nome: Roulrouldrown. 'Como, meu filho?' Roulrouldrown. 'Soletra, por favor'. O cara soletrou, ele escreveu. Veio o segundo: Roultronn. 'Por favor, soletra'. O cara soletrou e aí Ariano ouviu alguém, para o terceiro, atrás na fila: 'Chegando lá, soletra o nome porque o homem é analfabeto'. O cara chegou e disse: 'O meu nome é Hugo - H, U, G, O'. Ariano escreveu."


OBSCUROS
Renata Nassif
[ in Fênix em Verso e Prosa ]

de tão perto e por tanto
que agora vivo em flerte
- encantados eu e ele

e não sei do meu desejo:
se é abismo, se é espelho


UFF: Memória Departamental 1985
UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE
INSTITUTO DE ARTES E COMUNICAÇÃO SOCIAL
DEPARTAMENTO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL
Niterói, GCO, em 18.11.85

JE VOUS SALUE, LIBERTÉ

Os professores e alunos de Comunicação Social da Universidade Federal Fluminense e de seu Curso de Cinema, em Reunião Departamental, resolvem denunciar a postura reacionária de certas pessoas da área religiosa que têm estimulado o veto, em território nacional, do filme Je vous salue, Marie, do cineasta francês Jean-Luc Godard.

Nós, do Departamento de Comunicação Social e do Curso de Cinema, repudiamos o fato em si pelo que ele encerra de censura e obscurantismo. E outra não poderia ser a nossa posição, comunicadores sociais que somos.

Não queremos discutir aqui a importância de Godard para a história do cinema europeu e/ou mundial. Para muitos, estamos diante de uma obra da maior significação e da maior dimensão, gostemos ou não de seus filmes, gostemos ou não de suas propostas.

Queremos discutir - e questionar - o primado da censura sobre a arte, que se manifesta de maneira tão retrógrada no presente episódio. Sabemos o que vem a ser para um país a censura à imprensa, à música, ao teatro, às artes, ao cinema, e assim por diante. Pois, em última instância, a censura é um atentado contra a dignidade e a inteligência do Homem.

Queremos também questionar o poder da Igreja Católica, ou de seus representantes legais, que se arvora de Censora-Mor da sociedade brasileira. Que poder é este, que não leva em consideração a diversidade de opiniões religiosas, morais e estéticas? Que poder é este, que pretende assumir a censura de forma tão descarada? Que poder é este, que se revela tão insensível à liberdade de expressão?

Não, não podemos ficar calados. Não, não podemos aceitar que um Governo [o de José Sarney] que pretende ser democrático e soberano possa compactuar com tal absurdo, próprio dos fascismos e das intolerâncias.

O possível veto ao filme de Godard - ou a qualquer outra manifestação artística, nacional ou estrangeira -, se se concretizar, será o veto da ignorância. E do terror cultural.

Moacy Cirne
Chefia GCO [IACS]


DOIS SENTIDOS
Vais

minhas mãos se ocupam de outros afazeres
e os olhos continuam vendo e lendo


Memória 2002
A SELEÇÃO BRASILEIRA DE TODOS OS TEMPOS
segundo o poeta
Joaquim Branco
[ in Balaio n° 1490, de 4/6/2002 ]

Barbosa;
Djalma Santos, Domingos da Guia, Bellini e Nilton Santos;
Danilo, Zizinho e Pelé;
Garrincha, Ademir Menezes e Romário.
Técnico:
Gentil Cardoso.

Nota:
Os leitores/amigos que quiserem participar da presente "pesquisa", cuja primeira edição data de 2002, e que aqui será parcialmente reproduzida em números não-consecutivos, poderão fazê-lo enviando a "sua" seleção para o seguinte endereço eletrônico: balaio86@oi.com.br

10 comentários:

Mirse disse...

Ótimo, Moacy! Eu sabia que voce dava aulas para o Suassuna!!!

Censura NUNCA MAIS! É podar a mente, amputar as artes e bestializar o ser humano.

Tenho um time antigo do tempo que BOTAGOGO tnha Garrincha. Vou mandar, se não servir rasque.

Sempre perfeito , Moacy.

Beijos

Mirse

líria porto disse...

ariano é o meu rei dom sebastião!!!
adoro ele e a pedra do reino!
besos

Mme. S. disse...

Moacy, esse post está de engraçado a instrutivo. Sobre as dificuldades de deixar comentários lá no meu blog, tenho notado que o blogspot está com essas frescuras agora. Diversas vezes eu mesma não consigo deixar comentário em alguns lugares virtuais que visito. Acho que até aqui mesmo já passei por isso. E é frustrante. Um beijo grande, sua menina S.

Jens disse...

Oi Moacy.
O tempo passa, o tempo voa e a Igreja Católica continua mergulhada nas trevas. Ainda agora o Papa esteve na África pregando contra o uso da camisinha. Detalhe: a população do continente está sendo dizimada pela AIDS. Pensando bem, esta posição faz sentido, considerando o passado de omissão (para ser brando) da Igreja em relação ao massacre de judeus pelos nazistas. Talvez se trate de uma nova política de exterminação. Morte aos judeus, morte aos negros. Heil, Bento XVI!

Mulher na Janela disse...

Jeanne e Renata figuram serenas e pulsantes dentro desse Balaio.

Um beijo.

homoluddens disse...

serra da BICUDA é um nome engraçado...muito boa a história do Suassuna! Sarney...Fora! Só picareta.!
abração

mario cezar disse...

caríssimo moacy, espio o balaio porque o sangue ronca e minha carne arde( frente aos desígnios do mar) abraços

vais disse...

Saudações Moacy,
perdi o comentário que ia deixar, palavrão cabeludo, então...
pulei pro final
como sempre faz bem passar aqui
beijo pelo carinho dos sentidos

WELLINGTON GUIMARÃES disse...

ARIANO SUASSUNA É O EXEMPLO LAPIDAR DE COMO UMA VELHICE PODE SER CULTUADA NÃO PELA SABEDORIA E SIM PELO SIMPLES FATO DE SER VELHA.
VI UMA ENTREVISTA DELE RIDÍCULA, SIMPLISMENTE RIDÍCULA.
LI DOIS LIVROS DELE, NÃO LI O PARECE SER O MELHOR, MAS SE ELE TIVESE ESCRITO A DIVINA COMÉDIA, NÃO PODERIA FALAR AS IMBECILIDADES QUE FALOU.
TENHO MEUS ÍDOLOS, MAS NO DIA QUE EU VIR UM DELES ELOGIANDO(À SÉRIO) HUGO CHAVES, VOU DIZER IMEDIATAMENTE QUE ELE FALOU MERDA.

WELLINGTON GUIMARÃES disse...

ESSE JOAQUIM BRANCO ENTENDE DE FUTEBOL, GOSTEI DA LISTA. UMA ABRAÇO A ELE E OUTRO A MOACY E TODOS. ROMÁRIO FOI O MAIOR ATACANTE QUE O FUTEBOL CONHECEU. VEJA BEM, NÃO SOU NENHUM FANÁTICO. DE JEITO NENHUM.
EM 2010, ROMÁRIO NA SELEÇÃO!