sexta-feira, 26 de junho de 2009


1. Imagem superior: Foto de Zen Sen
2. Imagem inferior: Cartão postal do início do séc. XX


BALAIO PORRETA 1986
n° 2704
Natal, 26 de junho de 2009

Juca Kfouri, Fernando Monteiro, Samarone Lima, José Roberto Torero, Carlos Magno Araújo, Elianne Diz de Abreu, Gustavo de Castro, Klecius Henrique, Rubens Lemos Filho, Selma Medeiros, Humberto Werneck, Enrique Vila-Matas, José Castello e outros: pessoalmente e/ou literariamente, todos eles marcarão presença hoje à noite no lançamento de A cabeça do futebol, na Siciliano do Miduei Xópim, em Natal.


DOIS POEMAS de
Chico Doido de Caicó

Rio de Janeiro! Rio de Janeiro!
Só de pensar no meu Botafogo
Me dá uma vontade danada
De fazer poesia
Rio de Janeiro! Rio de Janeiro!
Só de pensar em suas mulheres
Me dá uma vontade danada
De ficar com a língua dura.

[][][]

Incrível Fantástico Extraordinário
Já champrei caicoenses e espanholas
Natalenses, portuguesas e cariocas
Paulistas, mineiras e cearenses
Gaúchas, argelinas e até uma americana
Mas nunca champrei uma pernambucana... andou muitas léguas ao longo do cio
as águas corriam lépidas paralelas

o corpo que tinha as curvas tão certas
perdeu-se das regras por estes caminhos

De MARCONI LEAL
[ in 10 conceitos-chave do conservador moderno ]

|| Todos os problemas do universo, a começar pelas supernovas e a extinção do sol daqui a bilhões de anos, são culpa da esquerda, a quem se devem também alguns desastres naturais como o furacão Katrina.

|| Os problemas do Brasil começaram quando, em vez de ensinar os índios a serem escravizados e torturados de acordo com as leis do mercado, Pedro Álvares Cabral, notório esquerdista, preferiu distribuir Bolsas Pau-Brasil entre eles, acabando com a vontade trabalhar dos selvagens e transformando-os em alcoólatras, vagabundos e hippies.


O PENSAMENTO VIVO DO VIVO STANISLAW PONTE PRETA
[ Pif Paf nº 1, 21 de maio de 1964,
in Pif Paf - 40 anos depois. Rio: Ed. Argumento, 2005 ]

ACHADO
Todo homem que considera a mulher o sexo perdido é porque não é muito dado a procurá-lo.

CULINÁRIA
Nem sempre o dono dos temperos faz o melhor refogado.

MORTAIS
As três coisas mais perigosas que eu conheço são: limpar arma de fogo, mulher do vizinho e croquete de botequim.

OPORTUNIDADE
O sol nasce para todos e a sombra para quem é vivo.

PROPAGANDA
Tirante a mulher, a gente deve sempre recomendar aquilo que experimentou e gostou.

11 comentários:

Mirse disse...

Bom Dia, Moacy!

Lindas as fotografias! Sempre enfatizo a beleza pura da mulher sem os recursos das transformações de hoje.

Seleciono o Juca Kfouri, porque sempre o admirei.

Agora você me provou que Chico Doido não é você, porque pensar no Botafogo, vc não se inspiraria em poesia. E ele champrou todas, menos as pernembucanas? porque será?

Líria arrasando, assim como Marconi Leal. Bárbaro!

Ai que saudades do Stanislaw e suas "máximas". Lembra do samba do Crioulo Doido?

Muito bom o Balaio de hoje!

Beijos

Mirse

líria porto disse...

caro moacy
primeiro que tudo, obrigada por me colocares dentro do balaio - segundamente, passei teu endereço de e-mail para o cláudio da tv minas - ele mo pediu!
besos

líria porto disse...

ah, esse chico doido é melhor que a encomenda!!

nina rizzi disse...

holás!

incrível a semelhança das moças. podia ainda botar uma campineira-forte (quem nasce/ vive em fortaleza é forte, hm?!). eu mesma, uai! (é o que diz a boca pequena dos discentes). que não chanfrei nenhuma cearense, apesar da língua dura.

esse marconi é um porreta, mesmo. de ladim com o esquerdário :)

ótimo-dia, assim :)
beijo.

BAR DO BARDO disse...

gostaria de destacar o seguinte, começo a desnudar a líria. metonimicamente. lá dentro, quanta luz!!!

Anin disse...

Chico Doido, um poeta do feminino. Bom por demais.
Meno/Pausa é inspiradíssimo. Imagens poéticas de quem conhece os caminhos da poesia.
Aqui tudo flui.

nina rizzi disse...

ei, o chico doido já champrou uma cubana? que tal esta >>
http://www.youtube.com/watch?v=3emxTEG8Aws&feature=related
e há uma deliciosa mistura do novo-antigo; trágico-belo. um belo ello :)

beijo.

Mme. S. disse...

Chico doido está demais! Hahahaha. Muito bom mesmo o poema dele.
um cheiro, inté.

Marcelo F. Carvalho disse...

Stanislaw w Marconi são assim: impagáveis!

Jens disse...

Oi Moacy.
Mestre CDC, Stanislaw e Marconi: turma de craques. Assim como o pessoal de A cabeça do futebol (a propósito, em que posição estás jogando neste time? Centroavante rompedor?)

Um abraço.

Cosmunicando disse...

Líria é fantástica... não me canso de dizer, não me canso de ir ao seu blog beber poesia.

o Stanislau com pouco diz tudo...

e nosso poeta das chumbreguezas e malemolências, o queridíssimo CDC... o que dizer? amo!

beijo