segunda-feira, 29 de março de 2010


Povos indígenas do Brasil:
1. Etnia Araweté
2. Etnia Trumai


Fotos:
1. Eduardo Viveiros de Castro, em 1991
2. Maria Cristina Troncarelli, em 2000


BALAIO PORRETA 1986
n° 2975
Natal, 29 de março de 2010


HORÓSCOPO DA SEMANA

Áries
Mergulhe na imaginação em transe da ficção científica.
Entre a coca-cola e a água de coco, opte pela água de coco.
Para ouvir de madrugada: Rapshody in blue (Gershwin).
Procure conhecer a cultura indígena da etnia Trumai.


Touro
Não se deixe enganar pelas mentiras de José Agripino Maia.
Leia a poesia de Nei Leandro de Castro. E a de Zila Mamede.
Faça a viagem de seus delírios: para Florença, na Itália.
Procure penetrar nos meandros da etnia Kanamari.


Gêmeos
Ouça Vivaldi. Veja Antonioni. Leia Sartre e Anaïs Nin.
Defenda a legalização da maconha. Proteja os animais em extinção.
Seja vegetariana; seja pós-moderna; seja poeta; seja sol e lua.
Procure sonhar, no Pará, com a etnia Araweté.


Câncer
Lute pela preservação da Mata Atlântica.
Não acredite no PV de Gabeira e Micarla de Sousa.
Escute música renascentista. Escute música clássica.
Procure estudar, com Lévi-Strauss, a etnia Nambikwara.

Leão
Cores verdes da sorte: vermelho-sertão e azul-litoral.
Reveja Luzes da cidade (Chaplin). Ou Macunaíma (JPA).
Volte a ser criança: brinque de esconde-esconde.
Procure o mundo da etnia Munduruku, longe de Jucurutu¹.

Virgem
Pesquise sobre as virgens da Europa medieval.
Seja um(a) feiticeiro(a): admire a beleza de Jericoacoara, CE.
Faça amor em lugares estranhos; em Júpiter, por exemplo.
Conheça o Brasil conhecendo a etnia Ye'kuana, entre outras.


Libra
Graciliano Ramos ou Franz Kafka? Os dois.
Faça de sua biblioteca um oásis cultural. Seja lua e sol.
Combata o crack, a coca-cola, a pedofilia e o BBB.
Que tal mergulhar na cultura da etnia Nahukuá?


Escorpião
Banhe-se com as cores de um crepúsculo barroco.
Ouça Paulinho da Viola. Ou Mozart. Ou Tom Jobim.
Colecione olhares. E fotos antigas. E silêncios prolongados.
Aprenda a viver com os costumes da etnia Pankará.


Sagitário
Descubra quem foi Maria Antonieta Pons.
Participe de um grupo de estudos sobre a utopia.
Leia as crônicas de Berilo Wanderley, na TN dos anos 50.
Passe uma semana com os indivíduos da etnia Kaxixó.


Capricórnio
Peque, peque muito, mas sempre a favor da natureza
.
Seja determinado; seja uma planície marciana.
Ame-se. Ame a natureza. Ame a literatura de Borges.
Uma boa dica: conheça a etnia Kambeba.

Aquário
Mergulhe nas palavras lombra sombra solombra.
Leia Clarice Lispector. Escute os quartetos de Beethoven.
Caso ainda não o seja, torne-se vegetariano(a) radical.
Assuma a etnia Xipaya que existe em você.


Peixes
Navegue pelas ondas de Pirangi do Norte, em Natal².
Cuidado com lobisomens e jacarés. E com o Tio Sam.
Lute contra os preconceitos sociais. Politize-se.
Procure estudar, com afinco, a etnia Umutina.

Serpente
Sonhe com Angola. E Moçambique. E Cabo Verde.
Faulkner. Haydn. Rossellini. Maiakóvski. Assim é a vida.
Prestigie a arte de Mondrian. E os quadrinhos de McCay.
Que tal conhecer, em profundidade, a etnia Potiguara?


Notas:

¹ Jucurutu : Cidade seridoense, seis léguas ao norte de Caicó.
² A rigor, Pirangi do Norte pertence ao muncípio de Parnamirim,
na Grande Natal.

11 comentários:

Pedrita disse...

os índios me lembram os documentários q passam no programa auê q passa na tv cultura. beijos, pedrita

líria porto disse...

pero vaz caminha tinha razão - as índias são uma boniteza!

vou dar um passeio por todas estas etnias!

abaixo a coca-cola e demais porcarias!!


besos

a pedrita falou bem - awê (será que escreve é assim?) é um programa muiiiiito interessante!

Assis Freitas disse...

Versar com a nossa ancestralidade indígena em plena segunda-feira. Porreta demais. Hoje saúdo a cidade de São Salvador da Bahia e seus 461 anos de exuberância. A soterópolis e os seus descendentes. Abraço.

NAMIBIANO FERREIRA disse...

Lindas as fotos meu amigo, lindas as senhoritas também, claro!
KANDANDU

Adriana Godoy disse...

Belas imagens. Bj

Marco disse...

Como foi recomendado aos virginianos, vou tratar de fazer amor em Júpiter. Espero que as mulheres de lá sejam interessantes...
Mais uma postagem interessante, caro mestre Moacy.
Carpe Diem. Aproveite o dia e a vida.

Marcelo Novaes disse...

Moa,



Vou conferir as etnias.


:)




Abração.

Mme. S. disse...

Detalhe para as notas.

boa semana procê meu amigo. uma curiosidade: qual é a dica que você segue? qual arquétipo do zodíaco lhe pertence?

cheiro, S.

nina rizzi disse...

"lute contra os preconceitos; politize-se; conheça as etinias (todas); leia (isso tudo); ouça (mais esses tantos); seja vegetariano;

mas massa mesmo é brincar de esconde-esconde. bem como de médico. mas... "foi há muito tempo, a vida não me chegava pelos jornais, nem pelos livros/ vinha da boca do povo, lingua errada do povo/ lingua certa do povo porque ele sim é que fala gostoso o português do brasil/ ao passo que nós o que fazemos é macaquear a sintaxe lusiada"...

esse teclado sem acentos...
eu sem assento.

inté.

Jens disse...

Seguindo as recomendações do meu horóscopo, vou pecar muito. Só espero que o corpo aguente.

Abraço.

Carito disse...

Lindas fotos! E adorei a idéia de ser uma planície marciana! E salve Jorge! Salve Borges! Agora vou conhecer a etnia Kambeba.