domingo, 29 de junho de 2008

Metaplagiando Milton Robeiro
Porque hoje é domingo,
a beleza seridoense de
Liz Rogéria Morais Fernandes,
de São João do Sabugi
Foto de
João Quintino


BALAIO PORRETA 1986
n° 2354
Rio, 29 de junho de 2008


Nos gramados da Suécia, em 1958, a seleção brasileira deslumbrava o mundo esportivo com sua magia e sua beleza encantatória, insuperável até hoje.
(Balaio Porreta)


POEMAS
de
CHACAL
( Ricardo Carvalho )

PAPO DE ÍNDIO
[ in Muito prazer, Ricardo, 1971 ]

veio uns ômi di saia preta
cheiu de caixinha e pó branco
qui eles disserum que si chamava açucri
aí eles falarum e nós fechamu a cara
depois eles arrepitirum e nós fechamu o corpo
aí eles insistirum e nós comemu eles.

UMA PALAVRA
[ in América, 1975 ]

uma
palavra
escrita é uma
palavra não dita é uma
palavra maldita é uma palavra
gravada como gravata que é uma palavra
gaiata como goiaba que é uma palavra gostosa

PRONTO PRA OUTRA
[ in Boca roxa, 1979 ]

gravei seu olhar seu andar
sua voz seu sorriso
você foi embora
e eu vou na papelaria
comprar uma borracha.
COISA
[ in Comício de tudo, 1986 ]

coisa coisinha coisaça
coisa nenhuma coisa nonada
coisa à beça e de montão
coisa coisinha coisão
ENTRE
[ in Letra elétrika, 1994 ]

entre a coisa e o nome, a coisa
entre o vinho e a taça, o vinho
entre a boca e o baton, a boca
entre a mão e a luva, a mão

entre o pé e o salto, o pé

entre a pele e o pano, a pele

entre nós, nada


[ Poemas incluídos in
Belvedere.
São Paulo: Cosac Naify; Rio de Janeiro: 7Letras, 2007, 384p. ]

5 comentários:

Lívio Oliveira disse...

Grande Chacal!
Belos poemas!
No ENE 2007 ele autografou "Belvedere", sua incrível coletânea, para mim!

Abraços!

Lívio Oliveira disse...

Ah! E que bela seridoense!
Merece um poema!

Abração!

Lívio

Maria Maria disse...

Meu caro Moacy, gostaria de falar com você. Enviei um e-mail para o seu endereço, mas parece-me não mais existir. Ah, que bonita seleção de poemas!!! Gosto desses trocadilhos. Um abraço Maria Maria

João Quintino disse...

Moacy, Liz é um exemplar humano em que a beleza é apenas uma face da inteligência, e vice-versa. Miss Seridó e terceira mais bela do RN em 2008, ela se esforça para concluir o curso de Direito na UFRN, em Caicó, e chegar a ser juíza. Obrigado por continuar difundindo o que o Seridó e, em especial, São João do Sabugi têm de melhor. Grande abraço!

joice disse...

adoráveis os poemas.

um abraço,

joice