terça-feira, 11 de novembro de 2008


O seridoísmo de
SÃO FERNANDO
por
Moacy Cirne

a partir de foto de
Márlio Dantas Forte

[ Cf. blogue do Poema/Processo ]


BALAIO PORRETA 1986
n° 2476
Rio, 11 de novembro de 2008


um grito apenas não basta
para abolir todo o silêncio que cultivamos.
(Eudoro Augusto. Cabeças, 1981)


PASTOREIO
Joanyr de Oliveira
[ in Poesia Para Todos. Rio, n° 2, nov/2000 ]

Fui pastor de destinos
soltos nas ventanias.

Fui pastor de sonhos,
de abismos e insônias.

Fui pastor de ovelhas
enlouquecidas nas noites.

Hoje pastoreio as horas
colho o mel das palavras.

Pastoreio metáforas
na inocência do branco.

Pastoreio murmúrios
diluídos nos ermos.

Pastoreio estribilhos
na memória e nas veias.

Ovelhas não navegam
as águas de meus olhos.

Ovelhas não ruminam
o itinerário de meu verbo.

Ovelhas não burilam
a sofreguidão de meu rosto.


POEMA
Sandra Camurça
[ in O Refúgio ]

com os olhos
te beijo nu(vem)

amor de chuva

esse abraço úmido
de lábios

DOR
Mariana
[ in Suave Coisa ]

cada dor que passa
arranca-me lascas
desses ombros frágeis

fico cada vez
menor

quando essa dor me
escreve

CONDICIONANTES
Sheyla Azevedo
[ in Bicho Esquisito ]

Se eu não fosse essa pessoa
cheia de pântanos,
seria nuvem.

Se eu não fosse essa
coisa estranha
seria um espelho voltado para o mar.

Se eu não fosse eu
assim, cheia de medos e escuros,
seria uma lacuna
só pra deixar você entrar.


UM POUCO DE POLÍTICA...

A governadora do Alaska, candidata derrotada nas eleições norte-americanas, uma tal de Sarah Palin, achava, ou ainda acha, que a África é um país. [Cf. The Huffington Post.] Certamente, ao lado do Japão. Ou da França. E quanto à prefeita eleita de Natal, do Partido Verde, será que ela sabe o que é Mata Atlântica? Será que ela saberia citar três poetas natalenses? Será que ela sabe quem foi Djalma Maranhão? Quem foi Pedro Velho? Quem foi Café Filho?

13 comentários:

Mariana disse...

incríveis versos de Eudoro Augusto.
lindas imagens pintou Sandra Camurça com palavras.

obrigada por deixar-me estar por aqui mais uma vez.

vou levar o Seridó nos olhos.

eita balaio porreta!!!

homoluddens disse...

1.boa seleção! gosto de sandra camurça.
2. será que ela sabe?

homoluddens disse...

aliás, lendo aqui novamente: mariana, sheyla e joanyr são ótimas também! tudo porreta!

Mme. S. disse...

Moacy, eu já nem me lembrava muito desses versos. Aquela poesia lá no Bicho é de todos os poetas. E é também para seu Balaio. (eu deveria ter dedicado novamente a você também). Um beijo, querido. Tá sabendo já do acidente com Diniz Grilo?

Milton Ribeiro disse...

Prefeita de Natal... Estamos bem servidos de porcarias...

Não sei deveria te convidar para ir a meu blog hoje. Não sei mesmo. talvez a gente discorde... Mas vá, por favor.

Grande abraço.

menta disse...

políticos ardem ignorância aguda. é de doer!


blog porreta!

abçs

homoluddens disse...

será ela conheceo BALAIO?

sandra camurça disse...

Bem, vamos por partes: Seu seridoísmo continua brilhante! Um grito não é mesmo suficiente... Bom poema, o do Joanyr. Um poema meu, oh! grata!!!
Belos e sensíveis versos, os de Mariana e de Sheyla. E será que Sarah Palin acha que a Amazônia é território dos EUA? Espero que com Obama as coisas realmente mudem... E a prefeita eleita de Natal, será que conhece um tal Chico Doido de Caicó?
Moacy, a gente precisa sair pra tomar uma. Você é um amor, sabia?
Um beijo.

sandra camurça disse...

Ah, sim, grata a Mariana e ao Homoluddens.

Abraão Vitoriano de Sousa disse...

sim sou do sertão paraibano!
e amei esse seu segundo blog!
que poesias brilhantes!
abraços!

Eliene Dantas disse...

Ficou belíssimo esse novo seridoísmo. Acho que tô numa fase meio multicor por isso a imagem me atraiu bastante. Bj,caríssmo!

Francisco Sobreira disse...

Dos poemas, Moacy, destaco o de Joanyr e o de Mariana. Abraço.

Pavitra disse...


ah, é tão bom, arrumar um tempinho nessa viagem e poder viajar tbm por aqui nesse mundo virtual...

sempre uma poesia boa (foram 4 aqui e adorei todas), uma provocação, uma ilustração, uma idéia... e você mexendo o balaio...

vou visitar a sandra! :)

beijos, moacy!