sexta-feira, 2 de abril de 2010

Rio de Janeiro
(em foto de autoria não-identificada)


BALAIO PORRETA 1986
n° 2979
Natal, 2 de abril de 2010


AS CIDADES MAIS PECAMINOSAS DO MUNDO
(segundo o sítio Askmen, via Obvious)

1. Pattaya (Tailândia), com 110.000 habitantes
2. Tijuana (México), com 1.111.000 habitantes
3. Amsterdan (Holanda)
4. Las Vegas (USA)
5. Rio de Janeiro (Brasil)
6.Moscou (Rússia)
7. Nova Orleans (USA)
8. Manama (Bahrein)
9. Macau (China)
10. Berlim (Alemanha)


CREPÚSCULO DE UM FAUNO
Henrique Pimenta
[ in Bar do Bardo ]

0.
quem dá pensão às entranhas de Deus?
a terra

1.
as folhas não desejam a quietude
e se arrepiam
em carrilhão de suspense

2.
as borboletas
multíplices e irisadas
pelo condão de sua gênese laminar

3.
a flor é uma
anomalia do verde
como um sol recluso
estúpida de beleza
resiste por existência mínima

4.
espinhos?
a farra da infância
sua ingenuidade lanceia víboras
ao torso da adolescência rubra
um aroma de gengibre
recende

5.
cintila ao horizonte
a cegueira lilás
...
por um colibri


POEMA
Li Tai Pô
[ in Germina Literatura ]

Na vida
é preciso tanto seriedade
quanto delírio.
Se tiveres mais de um pão,
vende um
e compra um lírio.


'TRATOS, TRATADOS & TRATAMENTOS'
Betina Moraes
[ in Sensytiva ]

O corpo é deserto que o silêncio habita de ausências,
A pele tem nome.

Evaporam as suscetíveis tentativas de agradar o outro,
A pele tem mágoa.

Desfazem-se cantos e rimas sem vontade de ser de novo,
A pele tem pena.

Não adere vergonha aos pudores já há muito esquecidos,
A pele tem pressa.

Ao avesso desamando se debate, cansado animal de carga,
A pele tem pêlo.

Veste quanto mais pesado casaco mais segura muralha,
A pele tem couro.

Arrepia por sorriso, quase nada, através do nada, contra todos,
A pele tem seda.

Reconstrói o castelo na nuca e carrega o sonho consigo,
A pele tem força.

Desmente o fatídico ontem uma flor nascida na testa,
A pele tem pele.

Grava palmos e unhas e cercas emancipando territórios,
A pele tem dono.


PRA NÃO SENTIR (AUTO)PIEDADE
Nina Rizzi
[ in Germina Literatura ]

quero uma tarde de vento. ventania. um tornado. leve. que me leve ao chão.


quero machucar o joelho. joelhos. terra carne sangue vento. minhas compras ao chão a encontrar novos livros.


quero o cuidado de mãos estrangeiras. desconhecidas. um apartamento num prédio antigo. quem sabe um café de esquina.


quero uma poesia arrancada. como um souvenir. aulas de cerâmica. algo que eu fizesse por mim mesma. um festival de filmes asiáticos.


quero a alegria. o toque da descoberta. a primeira noite.


a sensibilidade dos infiéis. a coragem dos suicidas.



11 comentários:

orlando pinhº d-silva disse...

êita balaio!..

Jarbas Martins disse...

Nota dez, velho Moá, para tua brevíssima antologia poética.Abraços.

Jarbas Martins disse...

Quanto às cidades mais pecaminosas do mundo, faltou na lista a cidade de Açu. Justifico e dou-lhe fé.

Pedrita disse...

adorei o poema de li tai pô. fauno me lembra o filme maravilhoso labirinto do fauno. entre os melhores filmes que já vi. beijos, pedrita

Assis Freitas disse...

As cidades mais pecaminosas, uau, vou memorizar essa lista. A Nina é a Nina, sempre. Gostei da idéia do pão e o lírio, delírio. Abraço.

nina rizzi disse...

buenos dias!

olha, quando eu encontrar esse francês que me leve à infidelidade (acho que é esse o nome do filme, ou algo assim; eu assiti só até a metade, porque o cara do DOPS chegou e levou as fitas embora, aí eu tive que terminar em suicidio), vou pedir que me leve em cada uma dessas cidades.

é, faltou Açu, e a fortalezabela, claro.


obrigada pelo poema, fico ancha :)

uma sexta santa procê ;)

líria porto disse...

vou pra pattaya - nesta sexta-feira santa(?) mais quero é pecar!!!

esse bardo, essa nina - e todos os entremeios - me levam a isso!

besos

líria porto disse...

ah - se tiveres mais que um pão, destroca-o por uma líria! risos

mais besos

Jens disse...

Pão por flor. Com o estômago cheio, boa idéia.

Abraço, Moacy.

Nydia Bonetti disse...

Este balaio está de tirar o fôlego, Moacy. Nossa... :)
Boa Páscoa!!! Bjo!

BAR DO BARDO disse...

DWKA esta postagem!